• Notícias

    Abraccine elege melhores curta-metragens brasileiros de todos os tempos

    Os membros da Associação Brasileira de Críticos de Cinema (Abraccine) votaram e escolheram os 100 melhores filmes brasileiros em curta metragem da história. O vencedor foi Ilha das Flores (1989), de Jorge Furtado. Entre esses 100, 13 foram dirigidos ou co-dirigidos por mulheres, sendo eles: 9º A entrevista (1966), de Helena Solberg 27º Guaxuma (2018), de Nara Normande 37º O duplo (2012), de Juliana Rojas 50º Praça Walt Disney (2011), de Renata Pinheiro e Sergio Oliveira 59º Torre (2017), de Nádia Mangolini 64º Lacrimosa (1970), de Aloysio Raulino e Luna Alkalay 70º Mulheres de cinema (1976), de Ana Maria Magalhães 71º Kbela (2015), de Yasmin Thayná 83º Kyrie ou o…

  • Notícias

    Mostra Vera Chytilová: A Grande Dama do Cinema Tcheco

    Entre os dias 24 de abril e 13 de maio acontecerá no Centro Cultural Banco do Brasil, em São Paulo, a mostra intitulada “Vera Chytilová: A Grande Dama do Cinema Tcheco”. Serão exibidos 20 longas e 6 curtas da cineasta, entre ficção e não-ficção, sendo a maioria inéditos no Brasil. Haverá debates e sessões com acessibilidade (tanto libras como audiodescrição) Vera Chytilová começou seu trabalho quando a Checoslováquia fazia parte da União Soviética. A política teve grande influência em sua obra, permeada por humor ácido, crítica social, feminismo e sátira, dando início ao que se chamou posteriormente de Nouvelle Vague Tcheca.  Para mais informações sobre os filmes exibidos e seus…

  • Notícias

    Links interessantes: profissionais mulheres se destacam em festivais e outras notícias

    Mulheres diretoras são maioria entre vencedores das categorias principais do Festival de Sundance 2019. Agnès Varda foi ovacionada ao exibir filme no Festival de Berlim e disse “sempre luto contra a estupidez, inclusive a minha”. Eliza Capai foi vencedora em Berlim (com o prêmio concedido pela Anistia Internacional) com seu documentário “Espero tua (Re)Volta” sobre as ocupações de escolas secundaristas paulistanas em 2015. Na ocasião, ele criticou Sergio Moro e Bolsonaro. Entre as cinco mulheres indicadas ao Oscar de design de produção está Hannah Beachler, a primeira mulher negra a concorrer na categoria em toda a história. Conheça ela e as outras indicadas. A premiada cineasta argentina Lucrecia Martel dirigirá o novo espetáculo musical da cantora…

  • Notícias

    Links interessantes: movimento por mais oportunidades para diretoras e outras notícias

    Patty Jenkins critica a Academia pela falta de mulheres indicadas na categoria de direção e de melhores filmes. [em inglês] Mais de 50 produtores de Hollywood, incluindo Reese Witherspoon, J.J. Abrams e Jordan Peele assumiram o “desafio 4%” – lançado pelo Time’s Up e a Annenberg Inclusion Initiative durante o Festival de Cinema de Sundance – de contratar mais diretoras nos próximos 18 meses. E a Universal foi o primeiro grande estúdio a se comprometer oficialmente. [em inglês] Uma cinebiografia sobre a cantora Celine Dion começou a ser produzida. O longa será dirigido pela francesa Valerie Lemercier, que também vai interpretar a cantora no filme. Entrevista e matéria especial com…

  • Notícias

    Links interessantes: melhores filmes de 2018 e novidades do cinema internacional

    Confira os 15 melhores filmes de 2018 escolhidos pelas Elviras – Coletivo de Mulheres Críticas de Cinema. Conheça também os 15 melhores filmes dirigidos por mulheres em 2018 escolhidos pelo coletivo. Associação Brasileira de Críticos de Cinema (Abraccine) elege os melhores filmes de 2018. Sofia Coppola retoma parceria com Bill Murray em On the Rocks, primeiro filme com produção da Apple. The Nightingale, filme da diretora Jennifer Kent, de O Babadook, estreará no Festival de Sundance. Porcentagem de cineastas mulheres trabalhando em filmes de maior bilheteria caiu de 2017 para 2018. Em 2017, 11% dos 250 principais filmes de maior bilheteria foram dirigidos por mulheres. Em 2018, mesmo em meio a discussões sociais sobre paridade de gênero,…

  • Notícias

    Links interessantes: mulheres no cinema em 2018 e filmes aguardados para 2019

    A popularidade de “Bird Box”, filme lançado na Netflix, fez com que Sandra Bullock, atriz ícone dos anos 90-2000, voltasse aos holofotes. Sempre muito carismática, ela caiu novamente na graça do público, ganhando agora uma nova geração de “fãs”. Como parte da agenda de divulgação do filme, ela participou do programa The Ellen Show e respondeu às perguntas rápidas (e quentes) da apresentadora Ellen DeGeneres (Vídeo) Recapitulando a mulher no cinema em 2018 (Mulher no Cinema) Filmes dirigidos por mulheres ou sobre mulheres aguardados para 2019, segundo o site Women and Hollywood (em inglês) O Que os Filmes Sobre Questões Raciais de 2018 nos Ensinaram ao Longo do Ano (Nó de Oito)…