• Blogs,  Críticas,  Stephania Amaral

    A VIDA INVISÍVEL

    Senti desespero e desolação. Senti o medo do vento e da tempestade quando na floresta uma chama pela outra: – Eurídice!  – Guida! Perdidas desde o início, assim ficam as irmãs ao longo de toda a película, enviando cartas saudosas (ou seriam diários?) nesta adaptação de Karim Aïnouz do romance epistolar de Martha Batalha. Impedidas […] https://stephaniaamaral.wordpress.com/2019/11/21/a-vida-invisivel/...