Discos,  Indicações

Deus é Mulher- Elza Soares

Se você me acompanha no Instagram Discos da Stê (se ainda não, fica o convite 🙂 sabe que não sou crítica de música. Avalio os álbuns de forma nada técnica, dando estrelinhas totalmente no feeling de ouvinte obsessiva que sou. E ‘Deus é Mulher’, da Elza Soares, merece todas as 5.

“O amor é o deus que não cabe na religião, eu não quero o medo me dando sermão” (‘Credo’)

Aliadas ao instrumental acertado, com guitarras e sintetizadores completadas pela voz e percussões do bloco afro paulistano Ilú Obá de Min (todo formado por mulheres) as letras das 11 faixas vêm dizer ‘O que se cala’. Romulo Fróes e Alice Coutinho assinam a fodástica ‘Eu Quero Comer Você’ e de ‘Língua Solta’: “E cala o horror, a cara feia, noite escura… Vamos juntas que tem muito pra fazer”, feminista como “A mulher de ‘Dentro de Cada Um’ não quer mais silêncio”. Outra diva, Tulipa Ruiz, escreveu a poética ‘Banho’. Lacrou, dELZA!

Compartilhe
Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *